Ele foi preso essa semana após uma operação integrada das policias Militar e Civil, na cidade de Tajupá, no interior de São Paulo.

Uma reportagem exclusiva do Brasil Urgente (Band) mostrou como vivia o Zequinha, um dos mais perigosos assaltantes à banco do Brasil e o criminoso mais procurado do país.
Ele foi preso essa semana após uma operação integrada das policias Militar e Civil, na cidade de Tajupá, no interior de São Paulo.
Zequinha é na verdade Luciano de Oliveira Castro, de 46 anos, mas em Tajupá e nas cidades do entorno, o homem de aparência pacata e de poucas palavras, era conhecido como irmão João.
Segundo a própria polícia, durante a prisão, Zequinha relatou que mudou de vida e que agora frequentava uma igreja evangélica aonde pregava.
O próprio repórter Lucas Martins, que cobriu a prisão, confirmou que o homem vivia como pastor, embora tivesse o hábito de evitar contatos pessoais.
Assista a reportagem:

Deixe seu Comentário